Com uma área de 1,5 mil m2, ‘Vértice’ já recebe propostas de interessados
Edifício faz parte do Parque Científico e Tecnológico da Unicamp e tem quatro andares

Por Juliana Ewers

Para promover ainda mais a inovação dentro da Universidade Estadual de Campinas, a Inova Unicamp inaugurou hoje o “Vértice”, um espaço destinado a abrigar startups e empresas no Parque Científico e Tecnológico da Unicamp, localizado no campus de Campinas.

Além da inauguração do novo espaço, a novidade está na possibilidade de startups se alojarem no Parque da Unicamp, graças à deliberação que foi revista no ano passado e permitiu a entrada de startups, terceiro setor e organizações governamentais no local. Até então, era uma exigência que a empresa possuísse convênio de pesquisa com a universidade.

IMG_2796 (1024x683)

“O nosso entendimento é que essas empresas precisam de suporte para começar suas atividades. E nada melhor do que estar dentro de uma universidade como a Unicamp. A exigência de um convênio de pesquisa nesse estágio inicial inviabilizava a entrada dessas empresas no Parque. Com a mudança, temos a certeza de que as startups poderão fomentar ainda mais nosso ecossistema. Será um diferencial competitivo”, avalia o diretor-executivo da Agência de Inovação Inova Unicamp, Prof. Milton Mori.

IMG_2743Na opinião do diretor do Parque Científico e Tecnológico da Unicamp, Eduardo Gurgel do Amaral, a chegada das startups também atende a uma demanda das grandes empresas. “É um marco no processo inovador da Unicamp. A abertura desse novo edital significa muito para o ecossistema, porque as startups são o meio mais eficiente de geração de inovação direta, por serem mais dinâmicas no processo de criação de novas ideias, geração de novos produtos e abertura de novos mercados. Do outro lado, é exatamente isso que as grandes indústrias procuram. Elas querem resolver essa questão do dinamismo a partir da geração de inovação conjuntamente.

Focado nessa conexão entre os agentes do ecossistema, o Vértice é a aposta da universidade para fomentar ainda mais a inovação. “A interação da Unicamp com o setor produtivo vem desde a concepção da universidade. E, hoje, ela é reconhecida por isso. A ponte que a Agência de Inovação faz entre a academia e o mercado é de suma importância para a universidade, porque impulsiona a pesquisa, o desenvolvimento, a capacitação de nossos alunos e ainda traz recursos para a universidade. Nesse sentido, o Vértice vem a somar, sendo mais uma oportunidade para fortalecer esse relacionamento universidade-empresa, e consequentemente com a sociedade”, reforça o Reitor da Universidade, Professor Marcelo Knobel.

IMG_2772Vértice

O espaço, que anteriormente abrigava o Inovasoft (Centro de Inovação em Software), foi reformado e deve entrar em funcionamento à medida em que as propostas das empresas forem aprovadas. A reforma, orçada em R$ 700 mil, foi viabilizada com apoio da Finep. Com cerca de 1,5 mil m2 de área, o prédio poderá abrigar até 20 empresas. As salas poderão ser personalizadas, atendendo à demanda das proponentes. A área mínima de ocupação de cada empresa é de 15 m2. O edital para entrada de startups e de empresas no Parque Científico e Tecnológico da Unicamp é de fluxo contínuo e está disponível neste link: https://goo.gl/Fv92Js.

“Essa é uma conquista importante para a Unicamp, pois são muitas as empresas que buscam a universidade para interações de pesquisa, desenvolvimento e licenciamento de tecnologia. Tendo-as perto de nós, no Parque Científico e Tecnológico, reforçamos que, como uma universidade pública, a Unicamp tem contribuído fortemente não só com o ensino, a pesquisa e a extensão, como assumido também a responsabilidade de promover a inovação e beneficiar a sociedade”, completa Mori.

Além das salas destinadas às empresas, o Vértice contará ainda com uma sala de treinamento, duas salas de reunião, um deck, uma copa e banheiros nas áreas comuns. Atualmente, o Parque já abriga laboratórios de Pesquisa e Desenvolvimento das seguintes empresas: Samsung, Lenovo, Eldorado, Motorola, IBM e MC1. Além dessas, a Incamp (Incubadora de Empresas de Base Tecnológica da Unicamp), que é vinculada ao Parque, abriga mais 18 empresas em processo de incubação.

O endereço do prédio é avenida Alan Turing, 345, Cidade Universitária Professor Zeferino Vaz – Campus Unicamp.

IMG_2845 (1024x683)

Juliana Ewers

Juliana Ewers é formada em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas e possui especialização em Gestão de Comunicação com o Mercado, pela Esamc. Atuou como repórter do Jornal Metro e do Grupo Bandeirantes de Comunicação . É editora assistente da Inovação – Revista Eletrônica de P,D&I .